Guardiões da Galáxia | James Gunn foi recontratado para dirigir o filme

james gunn
james gunn

James Gunn, escritor e diretor de Guardiões da Galáxia e da sua continuação Guardiões da Galáxia 2, foi recontratado em março para comandar o terceiro filme da franquia, Guardiões da Galáxia 3, depois de ser demitido pela Disney.

Seus comentários públicos desde que foi reintegrado foram limitados, mas em uma entrevista com o Deadline, ele deixou claro que não está mantendo nenhuma animosidade em relação à empresa ou indivíduos responsáveis ​​por demiti-lo.

“Eu não culpo ninguém. Eu me sinto e tenho me sentido mal por algum tempo por conta das coisas que eu falei publicamente. Eu sei que as pessoas foram feridas por coisas que eu disse, e isso ainda é minha responsabilidade, eu me sinto mal por isso e assumo total responsabilidade.” disse Gunn quando questionado sobre sua resposta silenciosa ao ser demitido.

Embora muitos de seus fãs estivessem chateados com a decisão e o próprio Gunn descreveu as dificuldades emocionais e medos que ele experimentou na época, ele não vê a ação executiva da Disney como um erro.

“A Disney tinha o direito de me demitir. Esta não foi uma questão de liberdade de expressão. Eu disse algo que eles não gostaram e eles tinham o direito de me demitir.“, admitiu ele.

VEJA TAMBÉM:  Guardiões da Galáxia Vol. 3 | Kevin Feige fala sobre o status do filme

Escrito e dirigido por James Gunn, Guardiões da Galáxia 3 atualmente não tem data de lançamento. O filme está previsto para começar a produção em fevereiro de 2021.

Leia também:

Os 10 melhores filmes de comédia da Netflix (março/2019)

As 30 melhores séries originais netflix de 2018, de acordo com a IMDB